Linux é fácil

Bom, depois de mais de uma década com a dupla “486DX2-66 e Pentium I 75MHz” (apenas o segundo deles com internet), meus pais resolveram comprar um computador novo. Quem usava era o meu pai (e eu também, quando ia na casa deles). Minha mãe nem estava muito a fim de aprender a usar computador nas nossas peças de museu. Eu ainda gostava do Pentium 75 (que inclusive foi citado na postagem “Acessibilidade na web”), mas ela se estressou com a lerdeza dele pra navegar na internet (principalmente por causa das animações em Flash, hehe).

Então, eles venderam os dois (o que inclusive foi surpresa pra mim, achei que iam vender só o mais velho) e compraram um novo, desses modelos “populares” mesmo. Meu pai preferiu por Linux, por ser livre, e eu é que nunca recomendaria o Windows Starter Edition (= Windows Lixo Edition). Mas será que ele se entenderia com o computador novo?

Bom, ainda não fui lá (Santa Maria) pra ver a novidade, mas sei o que aconteceu pelo que a minha mãe me contou… Meu pai montou pacientemente todo o computador e o monitor não ligava. Eu estava meio indignado e perguntei: “Mas justo o monitor, que não costuma dar problemas, é só ligar na tomada e apertar o botão…”. Mas preferi não dizer o fim da frase: “Vocês apertaram o botão de ligar, né?”. Bom, por “increça que parível”, eu devia ter feito a pergunta. Depois de algumas horas irritados com o monitor problemático, eles (meu pai e minha mãe) ficaram desconfiados de algo e resolveram ler o manual. O botão estava na parte traseira do monitor perto da lateral… :o

Certo, então o que se pode esperar de alguém que não consegue achar o botão de ligar o monitor e fica horas pensando que ele está com defeito? Consegue usar o Linux? Consegue, sim! Fiquei sabendo que ele telefonou pra GVT e conseguiu configurar a internet e agora navega na internet normalmente. Contrário a todas as expectativas, conseguiu usar a impressora. Uma pena que não conseguiu ouvir nenhum som… Seria uma baita infelicidade se o sistema tiver vindo mal configurado, mancada do fabricante!!! Mas, considerando que o botão de ligar o monitor demorou pra ser encontrado, talvez seja só um cabo conectado errado… :D Atualização: O problema do som já foi resolvido :)

Bom, mais detalhes eu não sei, só quando eu for fazer uma visitinha lá. Mas pelo que fiquei sabendo é uma história bem maluca, divertida, difícil de acreditar, mas real, hahahaha. Eles já estavam preparados pra devolver o monitor quando acharam o botãozinho… Apertaram e apareceu um pingüim :D

Anúncios

Um pensamento sobre “Linux é fácil

  1. Linux é difícil « blog

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s