Carnaval. É hora de…

… fazer uma lista de coisas e postar no blog!

Item número um a fazer no carnaval: desligar a TV. E o que mais fazer?

Jogar jogos em flash (recomendo o site www.nitrome.com) ou qualquer tipo de jogo mesmo, inclusive jogos de tabuleiro!

Instalar os programas da Nokia pra ligar o celular ao computador e transferir pra ele umas músicas e cursos de idiomas. Sabe como é, a gente vai ficando velho e daí configurar coisas no computador e atualizar firmware de aparelhos deixa de ser tão interessante e exige mais tempo e paciência pra fazer as coisas com calma. Gostei que a atualização do firmware do celular é cheia de mensagens do tipo: “Não se assuste: é normal o celular reiniciar durante o processo”. Afinal, nesses procedimentos que a gente mais lê são mensagens assustadoras do tipo: “Não desconecte nem interrompa nada senão você vai estragar o aparelho!”

Arrumar a casa.

Ver algum CD, DVD ou revista que andava esquecido em casa. Coisas que a gente acha quando está arrumando a casa, sabe?

Escutar música que agrade meus ouvidos. Não gosto nem um pouco de samba! O batuque parece que não encaixa com as minhas ondas cerebrais. Edição: É como tentar encaixar peça de Lego em Playmobil.

Pensar como vai ser a ida aos shows do a-ha em SP e RJ em março…

Pensar que ainda tem o domingo, a segunda, a terça e a manhã de quarta-feira pra descansar e fazer coisas interessantes que nunca recebem sua devida atenção. E torcer pra que a listinha de coisas legais feitas aumente (senão vai ser um baita tédio).

As coisas que a gente imagina

… e descobre que estavam completamente erradas. Acho que isso acontece com todo mundo, né?

Eu imaginei que moraria sempre na mesma cidade… E ainda bem que acabei conhecendo novos lugares e novas pessoas!

Eu imaginei que iam achar graça no que eu ia dizer… E me acharam idiota (odeio quando isso acontece :-( )

Eu imaginei que iam me achar idiota… E adoraram o que eu disse (adoro quando isso acontece :-) e fico só pensando: ainda bem que falei em vez de ficar quieto!).

Eu imaginei que gostariam do que eu ia dizer… E realmente gostaram (também adoro quando isto acontece :-) )

Eu achei que eu incomodaria as pessoas se falasse muito com elas… E descobri que elas na verdade sentiam a minha ausência.

Eu imaginei que nunca iria a uma academia… Estou indo e estou até gostando!

Eu imaginei que eu seria uma eterna criança… E estou me achando velho…

Eu imaginei que levaria certas coisas sempre a sério… E aprendi a ser mais criança e não me importar com certas coisas!

Eu achei que ficaria muito ridículo eu fazer um elogio… E descobri que o que eu tinha pra dizer devia mesmo ser dito porque era sincero!

Eu achei que eu seria muito rude em fazer uma crítica… E eu estava certo.

Eu achei que certas palavras seriam o marco do fim… E descobri que me sinto melhor e mais unido às pessoas depois de dizer tais palavras.

Eu achei que era chato eu comer sozinho quase metade de todas as castanhas de caju que trouxeram para a reunião… E depois me disseram que é bom quando aquilo que trazem agrada os colegas de trabalho :-o

Eu achei que teria mais idéias para escrever sobre este tema… Mas elas acabaram.

Obs.: Eu geralmente acho ridículo o que eu escrevo de madrugada, mas como eu mesmo disse… Posso descobrir que eu estava errado. :-p

Obs.2: Proibido fazer uma apresentação com essas frases, anjinhos e musiquinha de fundo :P