As coisas que a gente imagina

… e descobre que estavam completamente erradas. Acho que isso acontece com todo mundo, né?

Eu imaginei que moraria sempre na mesma cidade… E ainda bem que acabei conhecendo novos lugares e novas pessoas!

Eu imaginei que iam achar graça no que eu ia dizer… E me acharam idiota (odeio quando isso acontece :-( )

Eu imaginei que iam me achar idiota… E adoraram o que eu disse (adoro quando isso acontece :-) e fico só pensando: ainda bem que falei em vez de ficar quieto!).

Eu imaginei que gostariam do que eu ia dizer… E realmente gostaram (também adoro quando isto acontece :-) )

Eu achei que eu incomodaria as pessoas se falasse muito com elas… E descobri que elas na verdade sentiam a minha ausência.

Eu imaginei que nunca iria a uma academia… Estou indo e estou até gostando!

Eu imaginei que eu seria uma eterna criança… E estou me achando velho…

Eu imaginei que levaria certas coisas sempre a sério… E aprendi a ser mais criança e não me importar com certas coisas!

Eu achei que ficaria muito ridículo eu fazer um elogio… E descobri que o que eu tinha pra dizer devia mesmo ser dito porque era sincero!

Eu achei que eu seria muito rude em fazer uma crítica… E eu estava certo.

Eu achei que certas palavras seriam o marco do fim… E descobri que me sinto melhor e mais unido às pessoas depois de dizer tais palavras.

Eu achei que era chato eu comer sozinho quase metade de todas as castanhas de caju que trouxeram para a reunião… E depois me disseram que é bom quando aquilo que trazem agrada os colegas de trabalho :-o

Eu achei que teria mais idéias para escrever sobre este tema… Mas elas acabaram.

Obs.: Eu geralmente acho ridículo o que eu escrevo de madrugada, mas como eu mesmo disse… Posso descobrir que eu estava errado. :-p

Obs.2: Proibido fazer uma apresentação com essas frases, anjinhos e musiquinha de fundo :P

Anúncios

5 pensamentos sobre “As coisas que a gente imagina

  1. cof, cof, desculpe, tenho alergia a pó! Brincadeirinha! Espanar o blog é bom de vez em quando. (Esse comentário meu faz parte do item número 2 da tua lista, o qual compartilho contigo).

    E compartilho muitos outros (acho que menos o sobre as castanhas de caju, que nem adaptado ao meu contexto não acha substituto). Sobre a observação #1, eu geralmente também acho isso, mas evito dar um destino ao que foi escrito de madrugada. Ou melhor, geralmente o destino é a lixeira. Mas realmente tu estavas errado :) E às vezes é muito bom estar errado.

  2. Agora que eu vi a cronologia dos últimos posts:
    21 de fevereiro (este)
    21 de dezembro
    22 de novembro

    Primeiro teve um mês de diferença, depois dois… então devemos esperar um post para 21 ou 22 de junho? :D

    Brincadeirinha de novo :P

  3. É, desta vez eu me forcei a espanar o blog e postei. O item original era só a minha gula por castanhas de caju e se transformou nisso.

    Se for ver a hora da postagem, já eram quase 6:30, então não era mais madrugada. Vai ver foi por isso que o texto não foi pro lixo.

    A cronologia dos posts aconteceu por acaso, e eu ainda não sei qual vai ser a seqüência (com trema ou sem? será que eu devo me render à reforma?). Mas é possível que alterne entre 1 e 2 meses de intervalo, então a próxima atualização pode ser 21 de março e depois sim em 21 de junho! Às vezes podem sair rajadas de vários posts ao redor do mesmo dia :-p

    Aliás, acho que já vou postando o próximo, pra aproveitar o carnaval.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s